Blog

Liguria Wine Magazine

Giuseppe Peluso: “Os vinhos da Ligúria são nosso cartão de visita”

Juntamente com seu sócio Antonio Carlos Pedroni, ele fundou a L’Aretuseo, uma empresa que importa e comercializa vinhos da Ligúria e da Toscana no Brasil. Conte-nos como foi, começando com quando você saiu da Itália …



Nossa Empresa começou com o propósito de importar vinhos originários da Itália com inquestionável qualidade e que tivesse algo de singular, sui generis mesmo, exatamente para contrapor aos vinhos já existentes no mercado brasileiro e predominantemente originários do novo mundo, produzidos basicamente com uvas internacionais como cabernet sauvignon, malbec, carmenere,  tannat e etc. Queríamos surpreender nosso público consumidor com  uvas  inéditas em nosso país e nesta linha de atuação encontramos o paraíso dos vinhedos na Ligúria, onde ali se descortinou uma profusão de maravilhosas castas autóctonas que nos encantou, amantes do bom vinho que somos.  Hoje, seguramente podemos afirmar que os vinhos da Ligúria são nosso cartão de visita para ingressarmos nos melhores restaurantes, hotéis,  distribuidores por atacado e nos grandes pontos de venda a varejo.Tudo começou pela proximidade de nossas famílias, pos a esposa de Giuseppe que moudou para o brasil no 2009, é muito amiga da filha de Antonio e baseado na experiência na área de importação de Antonio, grande admirador e apaixonado por vinhos, projetamos a criação de uma Empresa com foco nesse segmento, valendo-se do  conhecimento de Giuseppe do território Italiano, iniciamos a busca por  produtores com as características desejadas. Quando identificamos a Família Arrigoni, foi o presságio, o indicativo de uma parceria longa e duradoura. Profissionalismo, competência e seriedade são algumas das muitas qualidades desta maravilhosa família que muito nos ensinou sobre o magnífico e maravilhoso mundo do vinho, o que tem norteado todas nossas ações.

No momento, importam vinho da Ligúria de uma única empresa, Arrigoni Wine Family. Quando e como esse relacionamento nasceu?

O relacionamento com a Arrigoni Wine Family, como dissemos, existe desde o início de nossa operação comercial. Quando realizamos a primeira importação, escolhemos principalmente os vinhos produzidos na Ligúria para criarmos nosso portfólio para depois ampliarmos todo nosso efetivo com rótulos das demais regiões italianas. Temos muito orgulho de afirmar que, atualmente somos uma Empresa que opera 100% com produtos italianos.

Quais são os vinhos da Ligúria mais conhecidos e mais solicitados em São Paulo e Rio, ou em outras cidades do país?

Sem dúvidas, os vinhos mais requisitados são o Vermentino, Cilegiolo e Pigato, embora tenhamos boa demanda para os vinhos produzidos com Rossese d´Arcola e Albarola.    São todas uvas inéditas ou pouco conhecidas no Brasil e motivado pelo interesse de conhecer novos paladares o consumidor degusta os vinhos e torna-se grande admirador do produto.

É um risco dizer que L’Aretuseo poderia se tornar um embaixador do vinho da Ligúria no Brasil?

Seria providencial a criação da Embaixada do Vinho da Ligúria no Brasil, fato que nos permitiria a promoção de diversas ações de marketing junto aos principais veículos de comunicação e mídias eletrônicas, além da realização de jantares harmonizados, congressos, simpósios e  “Work Shops” com o objetivo de melhor divulgação da vinicultura da Ligúria perante os profissionais do setor, sommeliers, restauranteurs, jornalistas especializados e formadores de opinião, além da participação com maior presença nas feiras e exposições vinícolas que já integram o nosso calendário.   Não é demais observar que o consumo de vinhos no Brasil está em acelerado crescimento, motivado pela evolução da cultura do bem estar e saúde e notadamente do fortalecimento do poder aquisitivo do brasileiro.Somente para argumentar sobre a potencialidade do consumo de vinhos no Brasil temos a comparação estatística entre a Europa que consome anualmente 45 litros “ per capita” e o Brasil que está situado na faixa de 2 litros, fato que nos permite profetizar um crescimento exponencial para atingir os 4 litros/anuais,  nos próximos 5 anos.Outro importante indicador é o crescimento do interesse por vinhos pelos jovens na faixa de 18 a 30 anos que antes eram consumidores ávidos de cerveja e destilados e agora começam a consumir vinho dado o apelo mais saudável do produto.Portanto, temos que viabilizar nossa inclusão e participar ativamente do crescimento deste magnifíco mercado que está em franca expansão.

Você não acha que as adegas da Ligúria e o italiano em geral devem investir mais no comércio eletrônico para se abrirem mais para o mercado externo?

O comércio eletrônico e as mídias sociais são inegavelmente as melhores ferramentas de publicidade e divulgação na atualidade ao lado das publicações de revistas segmentadas na orientação para a qualidade de vida. A Laretuseo vem habitualmente investindo maciçamente nas publicações de revistas especializadas, fato que tem demonstrado excelentes resultados, dado o crescente interesse dos consumidores nestes produtos.
por Annamaria Giannetto Pini